Conheça o que acontece no seu corpo e no do bebê na 6ª semana de gravidez

As transformações estão a todo vapor nessa fase

2
567

Na sexta semana, o bebê ainda é muito pequeno, mas já tem a maioria dos órgãos em formação. O coraçãozinho cresce e manda sangue para todo o corpo, que não é maior que um grão de feijão. A aparência já está próxima de um bebê, mas com a cabeça maior que o corpo.

“O ritmo é duas vezes maior que o de uma pessoa adulta.”

Nessa fase, já é possível perceber a formação de olhos e narinas. Os braços e pernas são muito pequenos, mas já estão lá, assim como a orelha.

O crescimento é acelerado e, para dar conta, um coraçãozinho trabalha em ritmo intenso, a 150 batidas por minuto. O ritmo é duas vezes maior que o de uma pessoa adulta.

O que muda na vida da gestante

No útero da mulher grávida ocorre uma revolução a cada segundo. O resultado disso é fadiga, muito sono e, para muitas, enjoos.

Assim como o corpo do bebê, o da mamãe se transforma para acomodá-lo pelos nove meses e recebê-lo. Por isso, sentem os seios doloridos e muita fome. Com o útero maior, a bexiga é pressionada e aumentam as visitas ao banheiro.

Tudo sempre deve ser relatado ao médico para que nenhum evento que fuja à normalidade prejudique mamãe e bebê.

Excesso de pedidos de informação não é pecado! Nessa fase ainda é grande o risco de aborto, com taxas que chegam a 80%. Por isso, falar tudo não é ruim (aliás, é o mais aconselhado).

As mulheres que já passaram por aborto espontâneo podem ficar mais nervosas com a possibilidade de uma nova gravidez interrompida. Assim, evitar o nervosismo ( a gente sabe que isso não é fácil, mas é importante) também é uma boa prática.

Gostou dessa dica? Então compartilhe!