Conheça a tragédia que fez esta mãe perder o seu filho mais novo!

Uma mãe americana conta num texto emocionante tudo sobre o acidente que vitimou o seu filho e deixa ainda conselhos a outras mães. Confira aqui a história de uma tragédia que mudou a vida de uma família para sempre!

0
705

Nos dias de hoje, muita gente lida com perdas e dificuldades, tentando procurar algum conforto e alívio ao falar delas. Este é o caso de uma mãe americana que perdeu o seu filho num acidente de viação fatídico. Na altura, Ashley Grimm regressava a casa, em Emmeth, Idaho, na companhia de cinco dos oito filhos, conduzindo a sua van.

Esta mãe, vivendo o seu trágico luto, escreveu no seu perfil de Facebook um texto emocionante, que já conta com mais de 405 mil compartilhamentos. Ashley escreve que as mães devem mostrar e dizer aos seus filhos o quanto os amam, frequentemente. Ela pede ainda que as mães deixem de ser tão críticas umas com as outras, pois só assim a culpa deixará de ser tão pesada.

O trágico acidente que vitimou o filho de Ashley

Ashley vinha na van com cinco dos seus filhos, saindo de um posto de gasolina e se dirigindo para casa. Os cintos de segurança tinham sido examinados por ela e dirigia por uma estrada complicada com curvas e morros. Logo cinco minutos depois de começar a dirigir, Titus, o seu filho mais novo, não estava com o seu cinto colocado, pois tinha tirado a proteção com a ajuda de um dos seus irmãos, o de 8 anos. Logo a mãe dos meninos reparou numa pedra que rebolava pela estrada, que acabou por bater na viatura, empurrando-a para uma área próxima de um penhasco. Após o acidente, Titus teve morte imediata.

Esta mãe conta que viveu o maior medo de quem é mãe. Relata o acidente e as condições em que ocorreu. Recorda o seu filho imitando um personagem super-herói, em que se gabava de já conseguir tirar o cinto sozinho.

Ashley conta que, em muitas viagens, via-se obrigada a parar o carro por várias vezes para lhe indicar que deveria colocar o seu cinto de segurança. Mas, no momento em que viu a pedra, ela considerou três situações: virar para a pista do lado (com curva acentuada e rio perto), verificar se conseguia acabar em cima da pedra ou deixar a pedra bater no carro.

Agora, depois do acidente, esta mãe concluiu que fez uma má escolha, pois a van foi empurrada para um penhasco e o seu filho foi jogado entre a van e o painel do carro. Havia sangue em todo o lado e Ashley após bater, desmaiou. Assim que recuperou os sentidos, tentou ajudar os seus filhos, incluindo o mais novo, Titus. No entanto, ele já tinha falecido.

A culpa da morte do seu filho mais novo

Esta mãe teve de lidar com a noticia fria sobre a morte do seu filho, e, sobretudo com os comentários injustos, sobre o fato de ela não ser uma boa mãe e que todos os outros filhos haviam de ser lhe retirados. A sua resposta foi partilhar os momentos carinhosos que passou com o seu filho, em que ele lhe dizia ser a melhor mãe do mundo.

Contudo, a verdadeira vontade de Ashley era revoltar-se contra essas pessoas e fazer-lhes ver quanta interação de ternura e brincadeira tinha com o seu filho.

Todos os momentos são importantes

Esta mãe dirige-se a outras mães pedindo que tratem e amem os seus filhos, aproveitando todos os momentos com eles. Que elas saibam entrar nos seus mundos e vê-los verdadeiramente, sem filtros.

Siga o conselho de Ashley e dedique mais tempo de qualidade aos seus filhos. Você e eles irão sair ganhando com isso!

Relacionado: Quando a maternidade é duramente atacada por outras mães