Os primeiros dentes do seu bebê

Está na altura de começarem a aparecer os primeiros dentinhos na boca do seu bebê? Saiba o que fazer e, sobretudo, o que não fazer!

2
6577

O surgimento da primeira dentição causa uma revolução na vida dos bebês.

Os pobres coitados não sabem como lidar com essa dor e choram de aflição! Mas os sintomas não se ficam por aí. Para além da irritação, a baba cai sem parar, as gengivas incham e a febre marca presença, deixando os pais bastante alarmados.

Relaxe, não tem porque perder a calma! Confira essas pequenas ajudas, que vão ajudar a lidar com essa situação. Mas sabe aquelas recomendações que escutou de amigos ou familiares? Preste atenção, porque podem muito bem estar erradas. Verifique!

3 dicas para aliviar a aflição dos bebês no surgimento dos primeiros dentinhos

1. Esfregar as gengivas com os dedos

Envolva o seu dedo em gaze molhada e passe suavemente na gengiva de seu bebê aflito. Não há melhor truque para acalmar a dor do surgimento dos primeiros dentinhos. Naturalmente, terá de ter a mão bem higienizada!

2. Apostar em mordedores

Envolva o seu dedo em gaze molhada e passe suavemente na gengiva de seu bebê aflito.

Essa invençãozinha parece ser capaz de deixar os bebês um pouco mais aliviados. Aposte em mordedores de borracha firma que não machuquem as gengivas.

3. Vá limpando a baba

Durante essa fase, o melhor é manter uma fraldilha por perto, para poder secar a baba. A saliva é um pouco agressiva e pode causar irritações da pele do bebê.

3 comportamentos a evitar quando os bebês estão desenvolvendo os primeiros dentes

1. Recorrer a medicamentos

Esses medicamentos que são passados nas gengivas de forma a darem alívio para dor são muito problemáticos. Primeiro, porque o bebê corre o risco de engolir. Depois, quando o bebe fica com a boca entorpecida pode acabar por morder os lábios, caso já tenha algum dente. Como não vai sentir nada o resultado são fissuras ligeiras que mesmo assim podem infectar.

No entanto, a nossa principal preocupação é a benzocaína, que faz parte da composição desses remédios. Essa substância está relacionada com a diminuição de oxigênio no fluxo sanguíneo.

2. Colocar os mordedores no freezer

Preste especial atenção se o bebê apresentar uma febre superior a 38.3º. Se isso acontecer, o melhor mesmo é consultar a opinião de um clínico pediatra.

Alguns dos mordedores disponíveis no mercado têm a indicação de que devem ser colocados na geladeira, antes de o bebê os poder colocar na boca. Mas isso não é o mesmo que colocar no freezer! Aí os mordedores podem gelar demais e ficar excessivamente duros, machucando as gengivas ultrassensíveis dos mais pequeninos.

3. Achar que os destinos são a causa de tudo

É comum que durante essa fase os pais atribuam ao nascimento da dentição a culpa por todas as alterações com comportamento da criança. Mas atenção, não deixe de ficar alerta por isso não, porque essa circunstância não impede o desenvolvimento de outros problemas. Preste especial atenção se o bebê apresentar uma febre superior a 38.3º. Se isso acontecer, o melhor mesmo é consultar a opinião de um clínico pediatra.

Quer saber mais sobre a primeira dentição? Assista a esse vídeo!

Essa matéria é de extrema utilidade para pais de bebês próximos do surgimento de seus primeiros dentinhos. Compartilhe!