40ª semana de gestação, e agora? É chegada a hora do parto

0
1420
40ª semana de gestação
Crédito: Freepik

A 40ª semana de gestação chegou. As emoções que dominam a mãe nesse momento são praticamente incontroláveis. É aquele misto incrível e doloroso de ansiedade, de medo, de alegria, de amor. Além disso, há uma sensação de exaustão e de alívio que se confundem. Afinal, foram 9 meses carregando uma vida na barriga. E agora falta pouco para ela sair.

Nesse momento mãe e pai andam de um lado para o outro. Até porque a partir das 40 semanas de gestação é questão de dias para o parto. Aliás, para algumas mulheres é questão de horas. As mães começam a se preparar para as contrações mais intensas, que não tardam a aparecer.

Depois de tanta expectativa, chegou o momento: seu bebê vai nascer!

O que acontece na 40ª semana de gestação?

as 40 semanas de gestação e o parto
Crédito: Pexels

Nesse período final da gravidez seu bebê está completamente formado e em posição. Ele deve pesar em torno de 3 quilos e, em média, deve ter 48 centímetros de comprimento. Seu filho começa a avisar seu corpo de que ele quer sair, que chegou a hora do parto. O aviso é dado pela liberação de hormônios, que contraem os músculos do útero.

O coração de seu bebê bate em um ritmo acelerado, com cerca de 110 a 150 pulsações por minuto. Ele já se comporta como um recém-nascido na barriga, com mais de setenta reflexos diferentes. Seu tórax está expandido para fora, e assim que nascer o ar entrará em seus pulmões. A partir daí ele será capaz de sustentar sozinho suas funções vitais.

A partir de então começam as contrações que indicam a aproximação do parto. Ao mesmo tempo, o colo do útero inicia sua dilatação. Nesse período há alguns sinais aos quais você deve prestar atenção. As contrações, se estiverem ritmadas e em intervalos regulares de tempo, de 10 em 10 ou de 5 em 5 minutos, vá direto para a maternidade.

Preste atenção também na presença de dores fortes e, principalmente, na ruptura da bolsa de água ou se há sangramento vaginal. O início do trabalho de parto se dá com a dilatação da cérvix. As contraçõs ligeiras e intensas surgem a cada 40 ou 50 segundos, o que empurra o bebê aos poucos para o nascimento.

Com as contrações, há aumento na produção de oxitocina. Esse hormônio estimula a produção do leite materno. Portanto não se assuste: é normal sair leite dos mamilos antes do nascimento, o famoso colostro.

Passaram as 40 semanas. E agora?

Os médicos afirmam que o parto está previsto para as 40 semanas de gestação, mas que é normal que ocorra um pouco depois. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, se a criança nasce antes da 37ª semana é prematuro; após a 42ª, pós-termo. O bebê, então, tem até a 42ª semana para nascer, portanto continue o acompanhamento com o obstetra.

Mas vale lembrar que cada caso é um caso. Nenhuma gravidez é igual à outra. Muitas mães e médicos ficam receosos em esperar alguns dias que seja após o término da 40ª semana. Após esse período os cuidados devem ser redobrados, visto que a placenta envelhece. A troca de nutrientes e de oxigênio entre mãe e filho pioram, o que é perigoso.

Para as mães, os riscos de esperar um pouco após as 40 semanas de gestação é baixo. Os médicos, contudo, costumam preferir não arriscar a vida do bebê. Variados fatores são levados em consideração nesse momento. Tudo vai depender das condições físicas e emocionais da mãe, da saúde do bebê. É uma decisão conjunta dos pais e dos médicos.

Resolveu esperar? Segure a ansiedade!

o que acontece nas 40 semanas de gestação
Crédito: Pxhere

Aquelas mães que têm condições físicas para esperar pelo nascimento após a 40ª semana de gestação precisam controlar a ansiedade. Claro que essa não é uma tarefa fácil, pois a qualquer momento você pode entrar em trabalho de parto. Especialistas recomendam algumas coisas que podem ajudar nesse período de espera:

  • Realize programas todos os dias. Saia, sempre acompanhada, e faça coisas que lhe aliviem o estresse. Ficar em casa esperando não é uma opção;
  • Prepare, junto ao pai da criança, comida suficiente para alguns dias. Após o parto não haverá muitas condições de fazer isso;
  • Solicite aos amigos e familiares que não fiquem perguntando ou pressionando sobre o nascimento;
  • Aproveite que o bebê não nasceu e pratique atividades que depois do nascimento ficarão mais difíceis de realizar;
  • Descanse o corpo e a mente. Relaxe o máximo que puder.

O importante é que você, mãe, cuide de você mesma. Lembre-se que se você estiver saudável, o bebê também estará. Nunca deixe de consultar com seu obstetra e de manter ele informado sobre tudo que sentir. Fique tranquila que com a chegada da 40ª semana de gestação é apenas questão de tempo seu filho vir ao mundo para lhe dar alegria.

Fonte: Febrasgo