Bebê sofrendo no útero da mãe

0
4899

Quando uma mulher fica grávida ela deve saber que está responsável por uma nova vida. Tomar todos os cuidados para que o bebê se desenvolva de forma saudável é obrigação de todas as gestantes.

As mulheres devem ter em mente que tudo que elas fazem podem prejudicar ou beneficiar os bebês que elas estão esperando.

Vícios e hábitos devem ser tirados da rotina para que o pequeno não sofra dentro da barriga da mãe.

Imagens chocantes mostram como o bebê está sofrendo no útero da mãe

Foram divulgadas na internet algumas imagens chocantes de um ultrassom que mostra o sofrimento de um bebê por causa da sua mãe fumante.

Os fetos de mulheres fumantes passam mal dentro do útero, eles colocam as mãos com frequência no rosto e se incomodam muito com esse terrível vício.

Malefícios de fumar na gravidez

Fumar faz com que os vasos sanguíneos das grávidas fiquem mais estreitos. Com isso o fluxo sanguíneo levado para o bebê que deveria ser saudável e que também é responsável pelo oxigênio chega com maior dificuldade ao feto.

As substâncias químicas tóxicas presentes no cigarro chegam a corrente sanguínea do feto por meio da placenta. Cada cigarro fumado aumenta os problemas de saúde do bebê.

Os bebês de fumantes são menores e mais leves ao nascerem.

Aumenta o risco de aborto espontâneo, nascimentos prematuros e deformidades.

Bebês de fumantes são mais sensíveis às infecções.

Aumentam os riscos de a criança ter asma ou alergias. O risco pode aumentar em até 30%.

A criança pode se tornar fumante na adolescência ou na idade adulta.

A probabilidade de a criança ter TDHA (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade) é três vezes maior.

Aumenta o risco de câncer.

De acordo com um estudo, filhos de fumantes são mais propensos a se tornarem obesos e sofrerem de diabetes do que os filhos de mães não fumantes.

Dobra a probabilidade de o bebê ter síndrome da morte súbita infantil.

As crianças podem desenvolver uma doença cardíaca. As chances são de 60% maiores em filhos de mães fumantes.

As crianças podem se tornar adultos inférteis.

O sistema imunológico fica enfraquecido.

Dobra os riscos de fissura labiopalatal.

Fumar faz muito mal

Fumar é um dos vícios mais perigosos do mundo, pois, além de contaminar o corpo e aumentar as chances de câncer de pulmão. As gestantes que continuam fumando podem destruir a saúde de seus bebês.

Fumar é errado e pode matar, mas para aquelas mulheres que não querem deixar esse maldito vício. A dica é que elas parem, pelo menos no período da gravidez e da amamentação.