Bebê “volta à vida” depois de brincadeira de irmã

Conheça essa história comovente de uma bebê prematura que já enfrentou problemas de gente grande

0
5822

Foi no dia 25 de dezembro de 2016 que um casal inglês recebeu um presente natalino inesquecível: a sua filha mais nova, Poppy, de 2 anos, retornou à vida depois de ter ficado inconsciente durante dias.

A luta de Poppy

Apesar da pouca idade, Poppy já enfrentou os mais diversos problemas: a criança nasceu prematura (29 semanas), tendo ficado internada no hospital ao longo de 3 meses. Além disso, Poppy foi diagnosticada com a Síndrome de Moebius, uma alteração no sistema nervoso cuja principal manifestação é a perda dos movimentos no rosto.

Os médicos foram claros: a menina nunca seria capaz de andar ou falar normalmente. Por outro lado, Poppy só poderia ingerir alimentos através de um tubo. Porém, a bebê contrariou essas previsões: depois de 1 ano de vida, Poppy já não necessitava de utilizar o tubo. Passados 3 meses, a criança começou a dar os seus primeiros passos.

Embora tivesse de ir regularmente ao hospital para vigiar os seus problemas de respiração, Poppy conseguia surpreender os médicos com a sua evolução.

Um presente natalino surpreendente e inesquecível

No entanto, numa manhã, Poppy não estava conseguindo respirar corretamente. Apesar de ter havido uma melhora, a criança piorou logo nos dias seguintes, precisamente no dia em que completou 2 anos. O coração batia, mas os olhos giravam e Poppy não expressava nenhuma reação diante das tentativas dos médicos. Depois da realização de um raio-X, os médicos concluíram que a bebê tinha um fluído nos pulmões e sofria de hipóxia cerebral, ou seja, houve uma redução da sua fonte de oxigênio do cérebro. Para eles, não havia dúvidas: Poppy tinha poucas hipóteses de sobrevivência.

“a irmã do meio, Macey, fez uma brincadeira inocente que mudou completamente a situação clínica de Poppy”

Na véspera de Natal, os pais e os três irmãos de Poppy decidiram passar a noite no hospital. No dia de Natal, foram ver de novo a criança. Nessa visita, a irmã do meio, Macey, fez uma brincadeira inocente que mudou completamente a situação clínica de Poppy: Macey assoprou a barriga da menina doente e, subitamente, ela começou a rir.

Poppy começou reagindo aos estímulos dos médicos. Depois de 8 semanas, aprendeu a falar e a engatinhar de novo.

Neste momento, a família de Poppy está juntando dinheiro para que a menina faça um tratamento intensivo de fisioterapia na Itália. Esse tratamento é bastante importante, porque pode ajudar Poppy a melhorar a sua capacidade de se movimentar.

“Nós estamos completamente confiantes. Acreditamos que a Poppy conseguirá falar e andar de novo. A nossa menina é uma guerreira desde o seu primeiro segundo de vida”, falou o pai de Poppy, Stephen Smith, ao site Mirror.

Relacionado: Gêmeos conseguiram sobreviver aconchegados e de mãos dadas

Falando em histórias emocionantes com bebês prematuros, veja só esse vídeo que relata a luta pela vida de uma criança que nasceu antes do tempo:

Achou esse artigo comovente? Compartilhe!