Benefícios da vitamina D na gravidez

A vitamina D é muito importante para qualquer pessoa, e mais ainda para as gestantes.

Imagem: Freepik

O organismo humano necessita de vitamina D para se manter saudável. Então, a vitamina D na gestação também é muito importante, afinal, a mulher está em plena fase que “criação” de um novo ser humano, e ele precisa de todos os nutrientes em doses equilibradas para se formar da forma esperada.

Publicidade

Veja também: Vitaminas para gestantes + micronutrientes essenciais

Os benefícios da vitamina D na gravidez

Descubra todos os benefícios que essa vitamina pode trazer para a sua saúde e bem-estar, beneficiando o seu rendimento durante o dia a dia, mesmo estando grávida.

Vitamina D na gravidez é bom para a formação dos ossos

A vitamina D é muito importante para regular os níveis de absorção de cálcio nos ossos. Isso é explicado pela conversão do calcitriol, componente responsável por manter os níveis desse mineral devidamente regulados. Desse modo, ela é fundamental para quem está em fase de formação e crescimento, no caso, o seu bebê dentro da barriga.

Publicidade

Fortalecimento da imunidade

Um dos principais benefícios da vitamina D na gravidez é o fortalecimento da imunidade, que ocorre por conta do controle que essa vitamina exerce sobre o ciclo celular, tornando-o mais saudável.

Ela desempenha um papel crucial contra doenças que atingem fortemente a imunidade e que podem prejudicar o bem-estar da mãe na gravidez e a saúde do bebê em formação.

Aumenta a concentração

Doses equilibradas de vitamina D aumentam a capacidade de percepção e o foco da gestante. Isso porque ela agiliza o processo de neurotransmissão, o que faz você tomar atitudes mais rápidas.

Publicidade

Vitamina D na gravidez para prevenir doenças cardíacas

Outro dos benefícios da vitamina D na gravidez é contribuir na prevenção de doenças cardiovasculares, já que essa vitamina contribui diretamente no controle da pressão arterial e dos níveis de colesterol. Além disso, ela ajuda a combater inflamações diversas.

Prevenção de diabetes

A vitamina D também é muito importante para evitar diabetes. Isso porque ela proporciona a absorção do cálcio, que é o responsável por regular os níveis de insulina.

Vitamina D na gravidez para melhorar o equilíbrio hormonal

O baixo nível dessa vitamina no organismo interfere na produção de testosterona e estrogênio, o que altera a produção hormonal, que já está diferente durante a gravidez. Então, é bem importante manter as consultas de pré-natal para garantir que sua saúde está bem e as vitaminas estão equilibradas.

Publicidade

Falta de vitamina D é perigoso?

A vitamina D é muito importante para a saúde, e isso significa que, se ela estiver em baixa no corpo, pode dar início ou incentivar o desenvolvimento de algumas doenças, como depressão, gripes e resfriados e colesterol alto, além de deixar os dentes mais fracos e provocar muito cansaço.

Durante a gravidez é essencial que o corpo da mãe esteja saudável, com a imunidade alta, e isso significa estar com a quantidade de vitamina D em dia.

Esses problemas de saúde mencionados acima não só prejudicam o bem-estar da mulher, como interferem na saúde e qualidade de vida durante a gestação.

Publicidade

Veja também: Magnésio na gravidez: quando e por que tomar?

6 Alimentos ricos em vitamina D

A maioria dos alimentos ricos em vitamina D é de origem animal. Nesta lista, apenas um deles é de origem vegetal. Fale com seu obstetra para escolher os mais adequados para você.

Sardinha

A sardinha é uma das melhores formas de ingerir vitamina D na gravidez. Apenas tenha cuidado e atenção com a quantidade de sal que esse alimento contém, evitando consumi-lo em excesso.

Publicidade

Salmão

O salmão é um peixe gordo e é um alimento riquíssimo em vitamina D. A quantidade da vitamina presente nesse animal varia de acordo com a sua criação, por isso, prefira os peixes selvagens porque costumam ter maior quantidade da vitamina.

Queijos

O queijo fresco é uma boa fonte de vitamina D, e outros queijos também contêm a vitamina, mas, cuidado porque eles também são feitos de gordura, principalmente os mais amarelos. Consuma com moderação.

Gema

As gemas dos ovos contêm vitamina D, mas não apresentam uma grande quantidade. Além da vitamina D, a gema também contém gordura, minerais e outras vitaminas que são importantes na gravidez. Mas, fale com seu médico sobre isso, caso esteja tendo problemas com gases porque esse alimento tende a aumentar o desconforto.

Publicidade

Óleo de fígado de bacalhau

Esse óleo é um dos alimentos que possui maior concentração de vitamina D, por isso, não é necessário consumi-lo em grandes quantidades.

Cogumelos

Os cogumelos são a única fonte vegetal de vitamina D, pois são capazes de sintetizar a vitamina quando estão em contato com a luz do Sol.

Dicas para aumentar o consumo de vitamina D na gravidez

É fundamental que haja uma alimentação balanceada e bem variada para que possa seguir uma dieta com todos os nutrientes que o organismo precisa, especialmente durante a gestação.

Publicidade

Por isso, converse com seu médico e talvez até com um nutricionista para elaborar um cardápio especial nessa fase da gestação, considerando as particularidades da sua saúde e seus gostos alimentares.

Além disso, uma das melhores fontes de vitamina D é o Sol. Os profissionais da saúde recomendam a exposição ao Sol diariamente, de 15 a 20 minutos, para absorver a quantidade diária necessária. Aproveite todos os dias ensolarados que puder.

Veja também: O que é anisocitose na gestação, sintomas e como prevenir

Publicidade