Calendário de vacinação infantil: quais vacinas seu filho deve tomar?

0
7460
quando vacinar criança pequena
Crédito: Freepik

Você sabe o que é o calendário de vacinação infantil? Este é um tema no qual todos os pais devem prestar atenção. As vacinas são maneiras eficazes de prevenir doenças, e muitas delas são obrigatórias e oferecidas pelo SUS. A maior parte das que vão proteger as crianças das doenças mais graves são dadas nos primeiros 15 meses e recebem reforços até os 5 anos de idade.

Infelizmente é comum que os pais esqueçam ou não saibam que há vacinas a serem dadas após os 5 anos. Elas são importantes para que se complete o esquema de vacinação da infância. Inclusive, os especialistas em saúde afirmam que o calendário de vacinação infantil prevê que as crianças tomem pelo menos 7 vacinas.

Quais vacinas seu filho deve tomar na infância?

vacinação infantil e quais vacinas tomar

É muito importante que os pais tenham sempre consigo a carteirinha de vacinação dos filhos. Sem esse documento, os postos de saúde não sabem quais vacinas as crianças já tomaram ou não. Ter esse controle é a melhor forma de manter em dia a saúde dos pequenos.

Quais são as vacinas obrigatórias?

Veja abaixo quais são as 7 vacinas obrigatórias e oferecidas pelo SUS durante a infância.

Hepatite A

A vacina contra a Hepatite A pode ser ministrada em crianças até os 4 anos, 11 meses e 29 dias. Especialistas afirmam, inclusive, que após quatro semanas de aplicação, 95% delas já desenvolvem anticorpos contra a doença.

Hepatite B

Essa vacina deve ser tomada logo após a pessoa nascer. Ela é dada de graça à pessoas de todas as idades. Caso alguém não tenha tomado no tempo certo, portanto, pode tomar em idades avançadas.

Poliomielite

A vacina contra a Poliomielite Inativada (VIP) deve ser aplicada em três doses, via intramuscular: aos 2, aos, 4 e aos 6 meses de idade. Há dois reforços via oral, contudo, as famosas gotinhas, que são aplicados aos 15 meses e aos 4 anos.

Pneumocócica 10

Essa vacina deve ser aplicada em duas doses, sendo aos 2 e aos 4 meses. Um reforço é exigido aos 12 meses, embora possa ser aplicado até os 4 anos.

Tetra viral

Como o nome já diz, essa vacina protege contra quatro doenças: varicela, rubéola, sarampo e caxumba. Ela deve ser aplicada dos 15 meses aos 4 anos.

Meningocócica C

A vacina contra meningite é administrada em duas doses. A primeira é aplicada aos 3  meses, enquanto a segunda é aos 5. Preferencialmente, o reforço deve ser aplicado aos 12 meses, embora se aceite que seja até os 4 anos.

HPV

A vacina contra HPV é ofertada aos meninos de 12 e 13 anos desde 2017. A partir de 2014 começou a ser oferecida a meninas de 9 a 13 anos; em 2016, as de 14 também foram incluídas.

Calendário de vacinação infantil

calendário de vacinação infantil

Todo ano o Governo Federal divulga o calendário de vacinação do Sistema Único de Saúde. É preciso que os pais estejam atentos a ele, pois a cada ano podem ser acrescentadas doses de vacinas ou mesmo vacinas novas. Essa informação pode ser facilmente obtida nos portais online do Ministério da Saúde.

Mas não são apenas as vacinas obrigatórias às crianças e suas doses de reforço que o calendário mostra. O Ministério da Saúde ainda apresenta outras vacinas importantes para a saúde das crianças. Ainda que não sejam obrigatórias, elas protegem os pequenos de doenças como a Febre Amarela e o Rotavírus Humano.

O calendário nacional de vacinação traz também informações sobre as vacinas de adolescentes e adultos.

Idosos e gestantes recebem uma atenção especial nesse calendário

Cabe lembrar, ainda, que o sistema privado de saúde também divulga anualmente seu próprio calendário de vacinação. Além de informar os preços de cada aplicação, as vacinas oferecidas não são as mesmas oferecidas pelo SUS, tampouco nas mesmas datas.

Crédito das Imagens: Freepik

Fonte: Ministério da Saúde