Você sabe o que é colestase na gravidez? Conheça os sintomas e veja como tratar

Distúrbio do fígado pode ser grave se não for tratado em tempo

0
3515

O nome colestase pode não ser muito difundido quando o assunto é gravidez. Justamnte por isso é preciso tratar desse problema. A colestase intra-hepática da gravidez é um problema grave no fígado.

O que acontece quando a colestase se manifesta?

Um dos principais sintomas da colestase é a coceira. Se ela for muito intensa, procure o médico.

A colestase modifica o fluxo da bile e isso resulta em coceira

Como o sangue necessita dos ácidos biliares nos tecidos, a falta deles provoca a sensação de coceira.

Se o problema não for tratado em tempo, poderá prejudicar o feto, causar sofrimento fetal e liberação de mecônio no líquido amniótico. Nos casos mais graves, causa a morte fetal.

Além da coceira, os demais sintomas da colestase são:

  • Fezes claras
  • Dificuldade de respirar
  • Urina escura
  • Náusea
  • Pele amarelada
  • Olhos amarelados
  • Perda de apetite

Como é o tratamento da colestase?

A medicação para tratar a colestase é prescrita pelo médico. O objetivo é equilibrar os ácidos biliares que são lançados na corrente sanguínea da mãe e ajudam a aliviar a coceira.

Também é feito o monitoramento do estado geral de saúde da mãe e do bebê. O objetivo é evitar o sofrimento fetal e proteger o bebê.

O que fazer para acelerar o diagnóstico?

Sempre que sentir coceiras em excesso, informe seu médico. Você vai saber a diferença entre uma coceira suportável e uma que indica que algo não vai bem.

Relacionado: 40 dúvidas super comuns na gravidez. Venha conhecê-las!