Comer enquanto espera o bebê nascer. Pode?

Você tem fome durante o trabalho de parto e dizem para beber apenas água? Não desespere. Um estudo feito por investigadores da Universidade Thomas Jefferson (EUA) concluiu que as grávidas de baixo risco podem e devem comer durante o trabalho de parto. Pode vezes podem passar horas atéo parto efetivamente acontecer. Os cientistas recolheram dados de 10 estudos diferentes feitos em 3.982 partos.

Publicidade

as grávidas de baixo risco podem e devem comer durante o trabalho de parto.

Imagine você, fraca, com fome, e passar por um momento tão exigente fisicamente como é o parto? Em tempos, por volta de 1940, os médicos recomendavam jejum porque diziam que a grávida podia aspirar a comida e ter problemas no caso de necessitar de receber anestesia durante o parto. Mas os estudos mais atuais, mostram que o risco é mínimo.  Em cerca de 8 anos, enre 2005 e 2013, apenas aconteceu um caso do género.

Relacionado: 10 alimentos que devem ser evitados durante a gestação

Publicidade

Neste novo estudo da Universidade Thomas Jefferson foram comparadas mulheres que pertenciam a quatro grupos diferentes, e que tiveram alimentação na hora de dar à luz:

Grupo 1: as que tomaram apenas água

Grupo 2: as que beberam bebidas calóricas

Publicidade

Grupo 3: as que consumiram mel

Grupo 4: e as que comeram o que quiseram

Conclusão

As parturientes que comeram o que quiseram tiveram partos mais curtos, cerca de 16 minutos, do que as restantes mulheres. Muito bom, não acha?

Publicidade

Um dos investigadores desse estudo, Vicenzo Berghella, disse à TV Fox News que “Se as grávidas estiverem bem hidratadas e se tiverem carboidratos no corpo, os músculos terão melhor desempenho. E o útero da mulher é músculo”.

Mas tenha cuidado e mantenha a sua alimentação saudável até ao fim. Não vá, na hora do parto, comer hambúrgueres, batatas fritas e coca-cola. O médicos aconselham alimentos leves, como fruta, suco, sopa ou torradinhas.

Fonte: http:// revistacrescer.globo.com/Gravidez/Parto/noticia/2017/02/comer-durante-o-trabalho-de-parto-pode-sim.html

Publicidade