10 coisas que todo companheiro precisa saber sobre uma mulher que se torna mãe

Tudo na família é diferente agora e os cuidados não ficam restritos ao bebê

0
12301

Quando nasce um bebê, nasce uma mãe. A frase explorada na publicidade e repetida à exaustão é incompleta. Junto com o bebê nascem novas perspectivas, uma família diferente e, invariavelmente, um pai.

Daquele homem que se limitava a segurar os cabelos na companheira no momento dos enjoos, montar móveis e apertar as mãos durante exames será exigido muito mais.

As tarefas, mais do que nunca serão divididas, mas a vida não será exata porque a mulher que demorou nove meses para dar à vida um novo ser estará modificada.

E o que os homens precisam saber a respeito dessa mulher que se apresenta como mãe?

1. A autoestima estará abalada

Embora exista uma corrente forte da aceitação das mudanças que a gravidez leva ao corpo, a verdade é que ele não será mais o mesmo.

Questões genéticas podem impor mais peso, estrias, manchas. Aquela barriga que esticou durante nove meses gradativamente, também só voltará à posição normal de forma gradativa. Algumas não voltarão.

Mais que sentir vergonha ao tentar caber no vestido ou calça usados antes de engravidar, a mulher vai desejar se enquadrar em novos padrões. Algumas sentirão mais e outras menos, mas todas passarão à frente do espelho e verão uma mulher diferente no reflexo.

E como se comportar diante disso? Simplesmente apontando que essa mulher é quem quer, porque ela mudou, mas não deixou de ser a pessoa por quem se apaixonou. Parece contraditório, mas é assim, muito simples.

2. O bebê será o centro do universo dela

É um fato da natureza. Assim que os bebês nascem, suas necessidades impõem o ritmo de vida da mulher e a dedicação será mesmo exclusiva.

Não é um bom momento para exigir a atenção recebida antes dele nascer. Também não é a hora de discutir a relação porque ela está diferente.

Os pais devem lembrar que os filhos também são deles e, quem sabe, assim como a mãe, devem dedicar maiores esforços nos cuidados e deixar a próprias prioridades de lado.

3. Ser mãe da medo

E ser pai também, não é mesmo? Ver aquela criatura tão dependente de você, tão pequena e, ao mesmo tempo, tão grandiosa.

Pois é, tente raciocinar como se seu mundo fosse só você e o bebê. Como você gostaria de ser tratado? O que te dá pânico? O que te dá segurança? É assim que ela se sente.

4. Não permita que ela se justifique

Todos darão um palpite sobre a forma de lidar com a criança. Estabeleça um pacto onde ela será respeitada, independente de quem a questionar.

Não permita que ela precise se justificar a todos pelas decisões que toma. Elas são conjuntas, deixe isso claro a ela e, com certeza, as coisas fluirão bem.

5. Ela pode se irritar com facilidade

São os seios doendo, a barriga ainda inchada, a falta de sono. Há tantos motivos para a irritação acontecer.

Garanta que ficará ao lado dela e, quando for preciso, assuma com maior vigor a tarefa de lidar com o bebê. Ela pode necessitar de um descanso.

6. Ela quer elogios

Com o corpo mudado, aquela saia justa poderá não servir. Como mais um sinal de que a auto-estima estará abalada, talvez ela não queira fazer novas compras e fique um pouco reclusa. Seja natural. Somente isso.

7. Esteja disponível

A rotina de cuidados com uma criança é, de fato, extenuante. Assegure que todo o seu tempo disponível estará direcionado à ela e ao bebê.

Essa é uma forma de garantir proteção à mãe nos momentos em que ela, exausta, não terá condições para tarefas simples, como ir ao supermercado ou preparar um jantar para amigos.

8. Crie condições para ela descansar

Troque os papeis quando estiver com ela em casa. Esteja sempre perto quando o bebê chorar. Leve-o até ela.

Faça as trocas de fralda, assuma os banhos e as tarefas como lavar e cozinhar.

9. Ela pensa que tem super poderes

Você sabe que não e, por mais que ela tente demonstrar o quanto pode sozinha dar conta da nova rotina, a realidade é outra.

Ofereça ajuda e, mesmo quando um não tímido for a resposta, continue a insistir.

10. Ela não deixou de te amar

Talvez até tenha mais admiração pelo homem que nasceu como pai diante dos olhos dela. Reforçando, agora não são dois, mais uma família e as prioridades pessoais são transformadas. Naqueles momentos de caos, todos se revelam e, por que não dar o melhor de si?

Relacionado: Marido recebe de presente álbum de fotos da esposa, veja a reação dele