Criança responde a limites conforme a idade

Regras são aprendidas e o controle é dos pais

0
7932

Educar uma criança não é uma tarefa fácil. É um desafio que os pais vão ter para o resto de suas vidas.

A criança vai aprender. Essa é a mais pura verdade. Para que isso ocorra, contudo, deve ser ensinada. E ensinar é possível, mesmo para bebês.

Tudo começa com o estabelecimento de uma rotina plausível para que as coisas permaneçam no controle.

Cada família tem princípios e precisa respeitá-los, mas a rotina é inerente a qualquer peculiaridade.

independente das particularidades, o bebê e a criança conseguirão se adaptar

Tente essas dicas, lembrando que cada criança e família tem seu próprio jeito de ser:

Como fazer até os seis meses:

O bebê só se dá conta de si. A rotina ficará no momento do banho, horários das mamadas e de ir para a cama.

Até os dois anos:

Nessa fase, a criança vai interagir com o mundo, mas ainda não saberá dividir. Tudo é “meu”. É também nessa fase que ela vai diferenciar o “não” e começa a ter a noção do que é permitido.

É importante saber quando e como usar o “não” para evitar que a criança entre em situações que comprometam a sua segurança.

Relacionado: O que leva os bebês a imitarem os pais

Entre três e cinco anos:

Agora, a birra ficará mais forte e precisará ser interpretada. Não se trata somente de repressão, mas compreensão.

Após seis anos:

O que os pais dizem ainda é lei, mas poderá ser relativizado porque a capacidade de argumentação estará evoluída. É preciso paciência para não cair no autoritarismo.

Além dos pais, haverá atenção para o que dizem o círculo de conhecidos, os professores e amigos. A criança começa a entender alguns porquês, mas eles continuarão a rondar suas perguntas.