Cuidados com a Depilação na Gravidez

0
24

As mulheres antes de engravidar costumam se depilar com cera ou com lâmina, e elas devem saber que no período de gravidez, esse hábito não precisa mudar.

A depilação pode ser feita até o último mês de gestação, no entanto é necessário ter alguns cuidados para que não ocorram lesões.

Isso porque, além da possibilidade de infecções, a depilação pode causar marcas permanentes na pele.

Qual Melhor Forma de Depilação na Gravidez?

As mulheres que sempre se depilaram em casa, durante a gestação devem repensar essa prática, porque com o tamanho da barriga, a visibilidade fica prejudicada, sem falar da dificuldade de encontrar posições ideais e confortáveis para a depilação sem machucar a barriga.

O mais indicado é procurar um local com boa higienização para que um profissional realize o procedimento.

Outro cuidado que a gestante deve ter é evitar a depilação a laser, esse método não pode ser realizado durante a gravidez. Devido ao alto risco de causar mancha na grávida. O laser não oferece risco ao bebê, o cuidado é para a pele da mãe.

A lâmina pode ser usada sem problemas pelas grávidas, mas seu uso deve ser cuidadoso, porque podem ocorrer pequenos cortes que podem causar infecções e contaminações. A lâmina provoca microcortes na pele e é preciso mais atenção das gestantes.

Embora não haja estudos que comprovem o mal causado pelos cremes depilatórios nas grávidas, especialistas aconselham a não utilização desses produtos, pois, esses cremes têm poder irritativo que deve ser evitado, já que podem manchar a pele.

É preciso ter cuidado com a depilação com cera fria ou quente na gestação. No caso da cera quente, a grávida deve ter uma atenção especial com a temperatura, porque a sensibilidade da pele fica mais aflorada nesse período. O calor excessivo pode traumatizar a pele e deixar marcas. A cera não pode ser reutilizada.

A depilação não é proibida na gravidez, mas os métodos que causam dor podem assustar o bebê, sem falar que durante a gestação as emoções e dores ficam mais fortes, ou seja, uma depilação com cera pode causar muito mais dor em uma mulher grávida do que em uma que não esteja esperando bebê.

Portanto, se está grávida e quer continuar com a pele lisinha sem pelos, você pode fazer sua depilação sem problemas, mas é preciso seguir os cuidados acima para evitar manchas, cortes e infecções que podem prejudicar a pele da gestante e também a saúde do bebê.

A melhor opção é ir a um salão de beleza ou outro local com ótima higiene para realizar a sua depilação com um profissional experiente em grávidas.