Os desejos estranhos de grávida da atriz Talita Younann

Algumas grávidas sentem desejo de comer coisas não comestíveis. Será que é normal?

Crédito: Freepik
ADs

Depois de um mês do nascimento da pequena Isabel, a atriz Talita Younann resolveu responder algumas perguntas dos seus seguidores em um jogo de “sim, não e talvez” através do Stories do seu Instagram.

Uma das pessoas que estava participando perguntou à atriz se ela teve muitos desejos de grávida ao longo da gestação. Para a surpresa de todos, Talita disse que sim, e não foi qualquer desejo. Ela ficou com vontade de comer tinta de parede e sabonete de rosto.

Talita não revelou se chegou a satisfazer os desejos, mas conseguiu deixar todos intrigados. Será que é normal sentir esses desejos bem esquisitos na gravidez?

Picamalácia: os desejos de comer coisas estranhas na gravidez

É comum que as gestantes comecem a sentir um desejo incontrolável por alimentos específicos na fase do segundo trimestre. Às vezes o desejo é por combinações de alimentos que não costumam estar juntos, tipo bolo com macarronada.

ADs

Acredita-se que esses desejos se manifestem por causa das alterações hormonais, pois os hormônios alteram o humor, o sabor, o cheiro, o apetite, o desejo de comer e de evitar certos alimentos.

Além disso, também tem o fator deficiência nutricional, e é aí que entra a picamalácia, condição que aciona os desejos mais estranhos por coisas que não servem para comer, como tinta, sabonete, tijolo, parede, terra, pedra e afins.

O que fazer quando surgirem desejos tão estranhos?

É importante falar ao obstetra sobre esses desejos, pois o médico poderá pedir exames e verificar se a gestante está com deficiência de algum nutriente. Por exemplo, a vontade de comer tijolo pode ser deficiência de ferro, enquanto o desejo de comer parede pode ser deficiência de cálcio ou zinco.

É como se o corpo soubesse que esses minerais estão presentes em outras coisas não comestíveis, e apenas perdesse o filtro sobre o que pode ou não comer. Ao invés de pensar só nos alimentos que contêm esses nutrientes, pensa em qualquer outra coisa que contenha esses mesmos minerais, na sua forma não comestível.

ADs

Os desejos estranhos por comidas que não combinam podem ser atendidos sem problemas, desde que sejam alimentos seguros para a gestante. Mas, no caso da picamalácia, em hipótese alguma os desejos por coisas não comestíveis devem ser atendidos, pois podem colocar em risco a vida da mãe e do bebê.

Pub