Diarreia na gestação: o que fazer?

Conheça as causas e os tratamentos desse problema que afeta muitas mulheres

0
5456

É natural que o organismo da mulher sofra muitas modificações no período inicial da gestação. Por exemplo, um dos principais – e primeiros – sinais da gravidez é o enjoo que chega logo de manhã. Sem esquecer as insônias, a ausência de menstruação, o olfato mais sensível… São diversos os sintomas e eles vão variando de gestante para gestante e até de gravidez em gravidez.

A diarreia é um sintoma frequente no decorrer do primeiro trimestre da gestação e preocupa muito as mulheres.

Quais são as principais causas da diarreia na gravidez?

No começo da gravidez, a diarreia é um resultado da variação hormonal. No entanto, esse desarranjo intestinal está associado a outros fatores: desde o aumento na ingestão de água à alterações na alimentação.

Por outro lado, um parasita nos intestinos pode estar causando a diarreia tal como uma gastroenterite. Além disso, algumas mulheres podem sofrer de intolerância à lactose ou ao glúten.

“No começo da gravidez, a diarreia é um resultado da variação hormonal”

Seja qual for o seu caso, o melhor é ficar atenta à frequência dos sintomas para saber se deve consultar um médico e se será necessário realizar alguns exames para confirmar a origem desse problema.

A diarreia na gravidez pode colocar o bebê em risco?

Geralmente, não. Nem a grávida corre qualquer risco. Porém, como o primeiro trimestre da gestação é o mais relevante para a formação do bebê, você deve prestar atenção a qualquer situação fora do comum. Por isso, marque uma consulta com o seu obstetra, caso evacue fezes líquidas mais de três vezes por dia, ao longo de mais de dois dias. Essa consulta também é recomendável se esse quadro for acompanhado por outros problemas de saúde, como a febre.

Se não for devidamente tratada, a diarreia pode originar uma desidratação na gestante e sérias complicações, nomeadamente uma infecção urinária, um quadro que pode estar na origem de um parto prematuro.

Por outro lado, as mulheres que sofrem de diarreia com sangue ou muco ou têm fezes que vão ficando ralas ao longo da gravidez têm de falar com o seu médico o mais urgente possível.

Como tratar da diarreia na gravidez?

É simples. Basta seguir esses conselhos:

  • Evite certos ingredientes, como leite, frituras e frutos secos. Esses alimentos podem deixar as fezes mais soltas;
  • Evite alimentos aos quais não está acostumada;
  • Coma iogurtes e carnes magras;
  • Coma sopas e caldos, entre outros ingredientes líquidos e cozidos no próprio dia;
  • Coma alimentos ricos em sódio e potássio. Bananas por exemplo;
  • Prefira as frutas sem casca;
  • Beba 2 litros diários de água filtrada. Se for a espaços pouco habituais, apenas beba água mineral;
  • Tome suco de goiaba, uma bebida que mantém a flora intestinal equilibrada;
  • Coma uma combinação de 2 colheres de chá de amido de milho com meio copo de água natural e suco de meio limão. Essa mistura solidifica as fezes, elimina as bactérias e regula o intestino;
  • Coma purê de legumes cozidos. Inclua abobrinha, cenoura, chuchu…
  • Coma hidratos de carbono, como arroz branco.

Só em alguns casos é que pode ser necessário tomar algum remédio indicado pelo obstetra.

Relacionado: Que sinal transmite o enjôo na gravidez?

Assista a esse vídeo para conhecer outros problemas frequentes na gravidez:

Siga as nossas dicas e compartilhe com as suas amigas gestantes!