5 Dicas para educar seu filho de maneira correta

A babá Emma Jenner explica o que deve ser permitido e negado a uma criança, para que ela se torne um adulto consciente.

0
27367

Educar uma criança não é fácil. Sabemos que requer muita disponibilidade e é preciso saber dizer não na hora certa para evitar problemas futuros.

Se tem um filho pequeno este post pode ser muito útil, pois damos-lhe algumas dicas de como criar os filhos da melhor maneira (se é que isso é possível, porque aqui não existem formulas mágicas).

A babá britânica Emma Jenner refere que educar uma criança não é fácil, mas é preciso tomar a atitude correta no momento certo. No seu programa de televisão, ela refere cinco atitudes que os pais costumam tomar em relação a seus filhos, e que estão incorretas. Conheça-as:

  1. Deixe seu filho chorar

Vamos dar-lhe um exemplo bem real: imagine que colocou o café-da-manhã na mesa e seu filho decide que quer comer outra coisa. Explique-lhe que a refeição está na mesa e não tem mais nada para ele comer. Não tenha medo que seu filho grite ou chore, pois ele tem que perceber que quem manda é você.

  1. Não desculpar atitudes das crianças

dicas-educar-filhos

Crianças erram e adultos também. Se seu filho fez algo de errado não tente desculpar a atitude dele. Procure explicar que aquilo está errado.

  1. Outras pessoas podem repreender seu filho

Quando um funcionário ou professor ralhar com a criança, explique-lhe que fizeram isso porque ele fez algo errado e precisa aprender o certo.

  1. Não coloque seu filho em primeiro lugar

Tenha limites e não saia correndo para satisfazer as necessidades da criança. Ensine-a a saber esperar o momento certo.

  1. Distrações eletrónicas não são solução

Entreter a criança com aparelhos eletrónicos enquanto ela espera pela comida ou pela consulta é muito ruim. Ensine seu filho a ter paciência e coloque-o em atividades para ficar ocupado.

As crianças de hoje são os jovens de amanhã, por isso, tente ensiná-las da melhor maneira, e fazer tudo o que elas querem não é solução. Pense nisso e faça seu filho perceber o que é permitido e o que está errado.