Saiba por que você deve doar leite materno

Descubra se você tem o perfil indicado para fazer essa doação

0
807

A Organização Mundial de Saúde (OMS) aconselha que, até o primeiro semestre de vida, os bebês sejam alimentados exclusivamente com leite materno (salvo em casos raros indicados pelo médico), depois desde período e até os 2 anos, o leite materno é usado como alimento suplementar.

Afinal, o leite da mamãe conta com propriedades muito importantes, incluindo sais minerais e nutrientes essenciais para o bom crescimento do bebê.

É importante incentivar a doação do leite materno. Por exemplo, no Brasil, o Ministério da Saúde foi responsável pela iniciativa “Doe Leite Materno: um pouquinho do que você doa é tudo para quem precisa”, que promovia a necessidade de doar o leite para salvar prematuros que se encontram internados em UTIs.

Graças a essa doação, os bebês conseguem ter uma alimentação exclusivamente baseada em leite materno, contando, por isso, com mais chances de recuperação e de usufruir de uma vida mais saudável.

COM ESSA DOAÇÃO, OS BEBÊS TÊM mais chances DE RECUPERAÇÃO

Conheça mais 3 bons motivos para você doar leite materno

1. Existe uma carência desse tipo de leite

A Rede Global de Bancos de Leite Humano somente é capaz de corresponder a 60% dos pedidos para os bebês que se encontram internados em UTIs.

Logo, 40% desses recém-nascidos acabam não recebendo o leite.

Lembramos que um pote com leite humano (com 300ml) consegue alimentar diariamente dez bebês internados.

Rede Global de Bancos de Leite Humano apenas tem leite materno para 60% dos recém-nascidos internados em UTIs

2. Melhora a imunidade e previne sérios problemas de saúde

Ao contrário das fórmulas artificiais, o leite humano melhora a imunidade dos bebês, graças à presença de anticorpos, defendendo o organismo de sérias alergias e infecções.

Segundo a OMS, o leite das mães até é capaz de reduzir em 13% a quantidade de mortes de crianças até os 5 anos.

Relacionado: Mãe decide doar seu leite, após perder seu filho

3. Poupa recursos econômicos

Com essa doação, não é preciso adquirir fórmulas artificiais para prematuros nas maternidades do Sistema Único de Saúde.

Quem pode doar?

Como trabalha um banco de leite materno?

Após receber a doação, o banco se dedica à avaliação do leite e, em seguida, faz a sua pasteurização e controle de qualidade.

Que mães podem doar o leite?

Qualquer lactante pode fazer essa doação, mas deve ter uma boa saúde e não pode estar tomando remédios que possam influenciar a qualidade do leite.

Nunca se esqueça: quanto mais leite você extrair do seu peito, maior será sua produção.

Ficou interessada em doar o seu leite? Contacte o Banco de Leite Humano mais próximo.

Assista a esse vídeo para conhecer mais vantagens da doação de leite:

Compartilhe esse artigo!