Estudo revela que pais perdem o sono por causa dos filhos mesmo quando adultos

0
3015

Quando nascem os filhos passam a ser a primeira prioridade dos pais. Todos sabemos que os primeiros dias e anos são os mais complicados, mas segundo um estudo os pais perdem o sono por causa dos filhos mesmo quando adultos.

Como pais, preocupamo-nos com a felicidade dos nossos, queremos que sejam felizes e realizados nos seus relacionamentos, na sua vida financeira e na saúde. O trabalho de um pai e de uma mãe nunca acaba.

Segundo um estudo, os pais ainda perdem o sono preocupando-se com os filhos até a idade adulta. Esta é um tendência crescente nos dias de hoje.

Filhos adultos causam insônias nos pais

O estudo levado a cabo por Amber J. Seidel, da Pennsylvania State University, tenta provar o quanto a ajuda aos filhos adultos ou o stress afeta o sono dos pais.

Para o estudo, os pesquisadores examinaram os dados recolhidos de 186 casais que tinham, em média, dois ou três filhos já crescidos. O resultado mostrou que os motivos pelos quais pais e mães perdem o sono são diferentes.

O resultado foi publicado no The Gerontologist. Os resultados são bastante surpreendentes.

Como avaliar as causas que levam os pais a perder o sono

Os pais e as mães foram analisados separadamente, e os resultados foram inesperados.

Os pesquisadores pediram aos pais para qualificar os diferentes tipos de apoio que oferecem aos seus filhos adultos. Foi usada uma escala de um (1) a oito (8).

O 1 representa apoio diário e o 8 representa ajuda nunca superior a mais que uma vez ao ano.

Foram avaliados diferentes tipos de apoio, desde o apoio emocional, apoio financeiro, ajuda prática, conversas diárias e conselhos.

Para avaliar o stress foi usada uma escala de 1 a 5, em que o 5 representa o maior stress e o 1 sem stress algum.

Resultados do estudo

Foram medidas as horas de sono. Mães dormiam por 6,66 horas por noite, enquanto os pais dormiam 6,69 horas.

Para os pais a perda de sono era maior quando existia um esforço de sustentar seu filho adulto.

As mães perdiam o sono quando desempenhavam tarefas de apoio.

Os pais, por outro lado, não perdiam o sono quando as mães realizavam o apoio.

No geral, o estudo mostrou que o fato de ajudar afeta os homens, enquanto que o stress em ajudar é o que afeta as mulheres.

Esta perda das horas de sono e o aumento dos níveis de stress mostram que os pais estão cada vez mais envolvidos nas vidas dos filhos adultos hoje em dia.

Nos últimos tempos aumentaram os níveis de superproteção e adultos super dependentes.

Os telemóveis e a internet aumentaram a comunicação constante entre pais e filhos. Apesar de ser um aspeto bom e positivo a muitos níveis, esta comunicação constante entre pais e filhos tem afetado cada vez mais a vida dos pais. Os pais envolvem-se frequentemente nos problemas dos filhos aumentando os seus níveis de stress e preocupação.

Se o pai vê o filho nas redes sociais a postar desilusões, preocupações e dificuldades, tende a prestar apoio. Isso faz com que os pais percam o sono por causa de seus filhos adultos.

Felizmente, existem maneiras de lidar com o stress constante. A maneira como reagimos ao stress que pode ser prejudicial à saúde. Níveis altos de stress podem levar a fadiga, cansaço, perda de apetite…

Os pais podem ajudar a si mesmos lidando com o stress, desenvolvendo estratégias saudáveis que os ajudam a encarar as situações.

Os pais precisam libertar-se, confiar nos filhos para deixá-lo viver sua vida. Tentar, errar e voltar a tentar faz parte do nosso crescimento como seres humanos. A única função dos pais é dar aos filhos ferramentas que os tornem capazes de lidar com os seus problemas e frustrações.

Facilitar a vida dos seus filhos, estar presente para solucionar todos os problemas vai criar um jovem adulto dependente e incapaz de ser feliz. Nenhum pai gosta que os filhos sofram, mas é preciso libertar os filhos.

Eles precisam crescer, criar a sua própria vida, a sua própria família. Os pais podem e devem estar presentes na vida dos filhos, dar o apoio necessário mas sem resolver os problemas, essa é uma tarefa do filho.

Ser pai e mãe é um trabalho para toda a vida.