5 Frases para substituir o “não chore” aos filhos

Saiba por que você não deve dizer para a criança não chorar e frases para substituir

Crédito: Freepik
ADs

Todo mundo chora, ainda que escondido ou só de vez em quando. O choro é uma das expressões mais comuns do ser humano, e é através dele que as crianças reagem a diversos sentimentos. Então, ao impedir seu filho de chorar, você está ensinando-o a bloquear o que está sentindo, sem aprender a lidar com isso de forma saudável.

O que dizer no lugar de “não chore”

É natural que os pais queiram sanar o choro do filho, pois quando o choro para, parece que o sentimento negativo passou.

Mas apenas parar de chorar não é sinal de que a criança soube lidar com seus sentimentos de forma positiva ou vai esquecer o que lhe deixou triste, frustrada, assustada ou com raiva.

Então, o que os pais devem fazer é compreender a necessidade do choro sem criar um bloqueio imediato para ele. Em seguida, devem encontrar as palavras certas para ajudar a criança a se acalmar e organizar a mente para lidar com os sentimentos que levaram ao choro.

ADs

“O que você está sentindo?”

Muitas vezes os pais não veem ou sabem o que fez a criança chorar. Aliás, às vezes o motivo não é dor ou uma coisa que a criança tentou fazer e não conseguiu. Então, o essencial é deixar que a criança diga o que está sentindo e, claro, os pais precisam saber interpretar o que ela disser.

Por exemplo, quando o choro é por uma coisa muito banal, como “porque a água é muito molhada”, os pais precisam interpretar como um sinal de outro problema, como necessidade de atenção para brincar ou fazer alguma atividade, ou mesmo por sono.

“Tudo bem, eu entendo o que você está passando”

A criança precisa se sentir acolhida e compreendida em primeiro lugar, principalmente quando o motivo do choro é por dor ou frustração. Os pequenos têm dificuldade em lidar com as frustrações e choram para expressar esse sentimento.

A partir do momento em que a criança percebe que seu sentimento está sendo compreendido, ela vai conseguir se acalmar e explicar o que aconteceu ou o que ela quer que aconteça. Os pais devem ouvir e tentar encontrar uma solução ou oferecer o consolo necessário.

ADs

“Você quer um abraço?”

Nem sempre precisa de palavras e longas conversas para fazer uma criança parar de chorar. Até porque, muitas vezes, ela nem sabe por que está chorando. Se você oferecer o seu abraço protetor e calmante, será o suficiente. O abraço de uma pessoa amada é capaz de ajudar a lidar com sentimentos difíceis tanto quanto as palavras de afeto.

“Me diga o que aconteceu, estou ouvindo você”

Dar espaço para a criança se expressar, no tempo dela, é muito importante para que ela consiga entender os próprios sentimentos. Quando a criança precisa pensar em como explicar o que a fez chorar, ela raciocina sobre a situação e é assim que vai se construindo a inteligência emocional. Não interrompa enquanto seu filho estiver se explicando. Apenas ajude-o, se necessário, a encontrar as palavras que ele precisa e a compreender o que isso significa.

“Respira, expira, vem aqui com a mamãe/papai”

Abaixe-se na altura na criança, traga-a para perto de você, incentive-a a respirar profundamente para conseguir se acalmar. É importante fazer isso quando o choro está intenso, pois os pequenos não sabem sair dessa atmosfera sozinhos, de forma tranquila.

Enquanto você faz esse processo de aliviar a tensão da criança, que é gradual, ela vai se acalmando e se prepara para lidar com a situação. Ela terá mais facilidade em explicar o que aconteceu e ouvir o que você tem a dizer, seja uma lição por ter feito algo errado ou uma solução para ajudá-la.

ADs

Veja também: Como preparar o filho mais velho para a chegada do irmãozinho