Veja porque o iodo é muito importante durante a gravidez

A falta desse mineral pode afetar o desenvolvimento do bebê

0
4456

Se você já é mãe, deve saber que muitas vitaminas são extremamente importante para o desenvolvimento dos bebês durante a gravidez. Se você ainda não é mãe, ou está prestes a dar à luz pela primeira vez, preste atenção nessas dias, pois elas podem ser indispensáveis para você.

Muitas mamães precisam tomar alguma suplementação durante a gestação. Alguns minerais são fundamentais para o desenvolvimento de funções importantes do organismo, desde a formação óssea até o equilíbrio hídrico do corpo.

O iodo é um desses minerais. Apesar de não ser produzido pelo corpo humano, ele deve ser obtido por meios externos como alimentos ou suplementos, e é utilizado pelo organismo para o bom funcionamento dos hormônios da tireoide (T3 e T4).

Porque é importante ingerir iodo na gravidez?

A carência do iodo pode prejudicar o desenvolvimento cerebral do feto, prejudicando seu QI. Um estudo realizado no Reino Unido revelou crianças com QI’s mais baixos, devido à deficiência de iodo no organismo da mãe durante a gravidez.

Durante a gestação, o iodo pode desempenhar um papel extremamente importante no funcionamento da tireoide, regulando o metabolismo do corpo, já que a essa glândula se torna mais ativa durante o período de gravidez.

Os médicos costumam indicar o iodo como complementação hormonal, pois a produção de muitos hormônios se altera entre 30 e 50%, e esta alteração pode prejudicar o sistema nervoso e o desenvolvimento neurológico do feto até a 20ª semana de gestação.

Quando é necessário utilizar o iodo como complemento?

Durante a gravidez, existem três sistemas funcionais que disputam o iodo existente no organismo: a tireoide materna, a tireoide fetal e o sistema renal. A suplementação com iodo só se torna realmente necessária quando um desses três sistemas está com deficiência de minerais.

Apenas as gestante que apresentam essa deficiência devem fazer uso de uma suplementação, que não deve ser iniciada sem a indicação de um médico já que o excesso de minerais também pode causar distúrbios graves devido à ingestão de substâncias desnecessárias.

A suplementação com iodo só se torna realmente necessária quando um desses três sistemas está com deficiência de minerais.

Danos causados pelo excesso de iodo:

Como mencionamos acima, se a falta do iodo no organismo das futuras mamães pode ser um problema, o excesso desse mineral também! Um estudo feito por uma universidade do estado de São Paulo comprovou que o excesso de iodo no corpo humano durante à gravidez pode aumentar as chances de hipotireoidismo em seus filhos, quando se tornarem adultos.

Segundo essa pesquisa, os efeitos nocivos da utilização excessiva do iodo geram consequências no desenvolvimento do feto e programa o organismo da criança a ficar mais suscetível ao desenvolvimento de outras doenças.

Apenas as gestante que apresentam essa deficiência devem fazer uso de uma suplementação, que não deve ser iniciada sem a indicação de um médico

No Brasil, o número de mulheres com deficiência de iodo no organismo é relativamente baixo, já que contamos com alimentos que já são iodados, como o sal.

É possível tomar iodo antes de engravidar?

A resposta para essa pergunta é afirmativa, caso o médico faça a recomendação depois dos exames necessários. A Organização Mundial da Saúde, desde 2013, aconselha que o iodo seja ingerido por mulheres que desejem engravidar e que contenham baixo índice de iodo no organismo. Desde então, os médicos podem orientar as futuras mamães a ingerirem esse mineral, ainda na fase de preconcepção.

A explicação é que, como os bebês são especialmente vulneráveis ao déficit de iodo na primeira fase da gestação, a recomendação é que as mulheres comecem a tomar suplementos de iodo antes mesmo de engravidar.

Conheça alguns alimentos que contêm iodo em sua composição:

Lista de alimentos ricos em iodo

O que você pensa sobre esse assunto? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não esqueça de compartilhar esse artigo com suas amigas.