Má-formação em bebês- Causas desconhecidas pela maioria das pessoas

0
2624

As mães têm diversos sonhos para os seus filhos. Um dos primeiros deles é o sonho de que eles nasçam saudáveis e perfeitos, ou seja, sem deficiências físicas, principalmente as causadas por algum problema na gravidez, o que traz muita culpa para a mãe.

Por isso conhecer bem as causas para a má-formação é essencial para evitar todas as que forem possíveis. Permitir que o feto tenha todas as ferramentas para um bom desenvolvimento uterino. Entretanto, muitas podem ser essas causas, e algumas delas são pouco ou nada conhecidas pelas mães.

Nesse artigo temos o objetivo de acabar com esse desconhecimento, e permitir que você tenha uma gravidez com todos os cuidados necessários para ter um filho totalmente saudável e sem limitações, ao menos no que depende de você.

Causas de má-formação do bebê

Má higiene da mãe

Se a higiene é fundamental ao longo de toda a vida, durante a gestação é ainda mais.

Lave as mãos antes e depois de ir ao banheiro, antes e depois de mexer com comida, e sempre saia de casa com álcool gel para fazer a higiene em caso de não haver nenhum local adequado.

Problemas de peso

Além de prejudicar a saúde da mãe, os problemas de peso podem prejudicar o desenvolvimento fetal.

Como o organismo funciona de forma menos correta quando estamos acima do peso. O bebê acaba tendo acesso a menos nutrientes e pode desenvolver deficiências graves, como lábio leporino, o mau fechamento do tubo neural, além  de problemas do coração.

Descuido com vacinas

A criança precisa de vacinas, mas a mãe precisa se vacinar até mesmo durante a gravidez.

Essas vacinas irão proteger não apenas a mãe, mas a criança, pois existem doenças que ou incapacitam a mulher para gerar um filho saudável, ou podem ser passadas de mãe para filho.

Se o seu médico passar vacinas para você tomar, tome todas elas.

Bijuterias

Essa é uma das causas mais surpreendentes, mas o chumbo que existe em muitas bijuterias pode prejudicar o desenvolvimento do feto.

O Brasil já regulamentou leis para impedir a utilização de chumbo em bijuterias, mas como essa lei ainda está em período de adaptação.

É melhor evitar usar bijuterias durante a gravidez, já que o chumbo pode entrar na corrente sanguínea da mãe, chegar à criança, e causar diversos tipos de má-formação.

Alimentos ricos em mercúrio ou crus

Certos peixes são ricos em um metal pesado chamado mercúrio, muito prejudicial para os fetos.

O peixe-espada e a cavala estão entre esses peixes.

Em relação aos alimentos crus, eles podem conter micróbios perigosos para a saúde da mãe e do feto como a salmonela. Devem ser evitados durante a gravidez, principalmente em se tratando de porco e peixes.