Prisão de ventre no bebê: conheça estratégias para ajudar o pequeno

Dói e é desconfortável, todo mundo sabe

0
16703

A prisão de ventre integra a fase de amadurecimento do intestino do bebê. Quando ela acontece dói e deixa os pequenos irritados. E esse choro é típico, representa agonia, quase um pedido de socorro.

A mãe tenta amamentar, mas não vai conseguir e a irritação vai continuar.

Como a dor é nele, a primeira coisa a fazer é ter calma.

Existem estratégias para evitar o desconforto, conheça algumas:

Massagem

A massagem abdominal ajuda a aliviar o desconforto. Quando o ventre do bebê é massageado, os gases são liberados, o que ajuda a reduzir as dores e liberar as fezes.
É possível pressionar as perninhas suavemente sobre a barriguinha, o que terá o mesmo efeito.

As massagens podem continuar mesmo para os bebês maiores porque a prisão de ventre não acontece somente com os recém-nascidos.

Alimentação

Na fase de alimentos sólidos, procure oferecer frutas, verduras e legumes. As fibras desses alimentos ajudam a liberar o intestino.

Mantenha o bebê hidratado e ofereça muitos sucos, além de água. Quanto mais água e outros líquidos ele ingerir, melhor para o trânsito intestinal.

Relaxamento

Banhos mornos e demorados auxiliam o bebê a relaxar, o que é bom para o trânsito intestinal. Verifique se a água está mesmo morna e, tente deixar o bebê ficar totalmente submerso. É possível fazer massagens leves durante o banho aproveitando o deslizar do sabonete.

Medicamentos

O uso de medicamentos para liberar as fezes ou eliminar os gases só deve ser feito com indicação médica. Nem todos os casos precisam de remédios.

Relacionado: Saiba reconhecer e acalmar as cólicas do bebê