Exames do Primeiro Trimestre de Gravidez

0
30

Quando uma mulher fica grávida, o acompanhamento médico é fundamental. O primeiro trimestre é muito importante, devendo ser seguido com atenção.

Não porque a gravidez seja doença, bem pelo contrário, mas porque é importante seguir cuidadosamente o processo, de maneira a garantir a saúde da futura mãe, e dar todas as condições para que o feto se desenvolva normalmente.

No acompanhamento médico, os exames são essenciais. Eles darão ao médico obstetra a informação que ele necessita.

Neste artigo poderá conhecer os vários exames do primeiro trimestre de gravidez.

Exames do primeiro trimestre de gravidez

Logo que saiba que está grávida, deverá consultar um médico obstetra, que a seguirá e fará os exames necessários para um acompanhamento médico correto.

De seguida pode conhecer os exames habituais do primeiro trimestre de gravidez.

Hemograma

Este exame ao sangue vai verificar a sua quantidade, os níveis de células sanguíneas e outros aspetos morfológicos.

O nível de plaquetas é um dos pontos mais importantes verificados neste exame. Além disso, sendo a anemia uma complicação comum na gravidez, este exame permitirá prevenir eventuais aparecimentos da doença.

Grupo sanguíneo e fator Rh

Feito através de coleta sanguínea, este exame é de grande importância, já que permite prevenir a incompatibilidade sanguínea entre o feto e a mãe. Também denominado de eritroblastose fetal.

Glicemia de jejum

Também feito através de uma coleta sanguínea, a glicemia de jejum permite perceber quais as possibilidades de a grávida desenvolver diabetes gestacional.

Sabendo-se a concentração de glicose no sangue, é possível verificar a tendência deste tipo de diabetes surgir.

Análises sanguíneas imunológicas

No primeiro trimestre é também feita uma coleta de sangue, onde se procura saber se a grávida tem várias doenças, entre as quais a rubéola, hepatite B, HIV, toxoplasmose e sífilis.

Exame de urina

Este exame servirá para verificar a existência de infeções nos canais urinários e a presença de bactérias.

Rastreio de hemoglobinopatias

Neste exame, é verificada a possível presença de problemas com a hemoglobina, proteína integrante das hemácias (células sanguíneas que conduzem o oxigénio às células).

Ultrassom

Este exame pode ou não ser realizado no primeiro trimestre. Com o ultrassom é possível observar-se o feto.