Quer saber se está grávida? Leia esse artigo!

Ad

Embora possam não ser sentidos por todas as gestantes, existem alguns primeiros sinais típicos que indicam quando uma mulher está grávida.

Essas manifestações tanto podem ocorrer fisicamente, como a nível psicológico.

Eis os 10 primeiros sinais de uma gravidez

1. A menstruação não vem

Esse é o sintoma mais corriqueiro para as gestantes que sempre tiveram uma menstruação regular.

Habitualmente, os outros sinais acabam surgindo 15 dias após o atraso menstrual.

Ad

No caso das grávidas com um ciclo irregular, é mais difícil identificar a gestação a partir da menstruação: nessas situações, é frequente a menstruação sofrer um atraso de 60 dias.

É essencial nunca confundir a menstruação com a nidação. O último caso se manifesta por um sangramento de tom escuro que surge com a implantação do óvulo no útero.

2. Desconfortos durante a manhã

É uma manifestação típica, resultante de uma maior concentração do hormônio Beta HCG, que incita o centro do vômito e alcança o seu pico por volta das 10 semanas de gravidez.

Normalmente, as náuseas surgem a partir dos 15 dias de gestação.

Ad

3. Edemas no peito e no resto do corpo

O peito inchado é um sinal que surge nas primeiras semanas depois da concepção.

Além disso, os seios ficam mais sensíveis e doloridos.

O inchaço no resto do corpo é mais evidente a partir do 4º mês.

4. Cefaleias (ou dores na cabeça)

É uma manifestação que ocorre com o aumento súbito de progesterona.

Ad

As dores de cabeça ocorrem com o aumento súbito de progesterona

5. Cansaço

Surge devido ao hormônio Beta HCG e à progesterona. Com um maior cansaço e sonolência, é frequente uma descida na pressão arterial.

6. Dores lombares

Esses sintomas se costumam prolongar durante toda a gestação.

As dores acabam sendo mais fortes no fim da gravidez, com o peso da barriga e com a alteração de postura da mulher.

7. Aréolas mais escuras

Isso ocorre com uma maior concentração de células pigmentares nas aréolas, devido aos hormônios.

Ad

O sintoma é mais frequente a partir do 4º mês.

8. Necessidade frequente de urinar

Surge entre 6 e 8 semanas depois da concepção, com a ação dos hormônios.

Na reta final da gestação, esse sintoma ocorre com a compressão da bexiga pelo útero, que ganha uma dimensão maior nos últimos meses.

9. Mudanças no olfato e no paladar

Eis as culpadas pelos célebres “desejos de grávida”! Logo, é bastante frequente a gestante adorar coisas que antes detestava e vice-versa.

Ad

10. Obstipação

Mais uma vez, tudo se deve aos hormônios da gravidez que reduzem o movimento que o intestino tem de executar para empurrar os ingredientes pelo tubo digestivo.

Com isso, existe uma menor absorção de água nas fezes e estas acabam ficando mais secas, o que complica a sua expulsão.

A prisão de ventre é mais comum nos 2º e 3º trimestres de gravidez.

Relacionado: Conheça 6 sintomas incomuns na gestação

Ad

Descubra outros primeiros sintomas de gravidez, através desse vídeo: