Para que Serve o Teste do Pezinho

0
1687

O nascimento é o milagre da vida, e dá para todos os envolvidos, mãe, pai, médicos, enfermeiros, familiares e amigos mais próximos uma sensação de felicidade e alívio, pois uma nova vida chegou a este mundo. Entretanto, o nascimento é apenas o começo de tudo, já que a criança precisará de muitos cuidados ao menos por alguns anos.

Um dos primeiros cuidados é o teste do pezinho, um exame que consiste em uma pequena punção no pé do nascituro para coletar sangue e fazer teste para uma série de doenças que podem acometer o recém-nascido.

Neste artigo explicaremos quais são essas doenças que podem ser desvendadas por esse importantíssimo exame, que não pode deixar de ser feito em seu filho.

Doenças que podem ser descobertas com o teste do pezinho

Anemia falciforme

A anemia falciforme é um grave problema de cunho genético que provoca uma deformação nas células vermelhas do sangue, chamadas por glóbulos vermelhos ou hemácias.

As células ficam com a forma de uma foice.

Como o próprio nome da doença diz, reduzindo a sua capacidade de transporte de oxigênio para as várias partes do corpo. Podem inclusive provocar atrasos no desenvolvimento de alguns órgãos.

O tratamento da anemia falciforme se dá através de transfusões de sangue, porém isso só é necessário caso a doença tenha consequências graves e provoque infecções como pneumonia ou amigdalite.

Hipotireoidismo congênito

O hipotireoidismo é a deficiência da tireoide em produzir os hormônios tireoidianos em quantidade suficiente.

Os hormônios produzidos por essa glândula são tão importantes, que a sua falta acaba prejudicando o crescimento do bebê, ou até mesmo causando o seu retardo motor e mental.

O tratamento para essa doença consiste em reposição hormonal, sem prejuízos para o desenvolvimento.

Fenilcetonúria

A fenilcetonúria é uma doença congênita que causa problemas ao sistema digestivo do bebê, que não é capaz então de digerir a fenilalanina, uma importante proteína presente em diversos tipos de alimentos, como por exemplo, ovos e carne, que, quando não digerida corretamente pode se tornar venenosa para o organismo do bebê , causando sério comprometimento neurológico para a criança.

Para tratar a fenilcetonúria devem-se retirar alimentos com fenilalanina da dieta alimentar da criança.

Fibrose cística

A fibrose cística é um problema de saúde que causa grande aumento na produção de muco, prejudicando fortemente todo o sistema respiratório, assim como o pâncreas, órgão responsável pela produção de insulina.

Isso tudo torna a fibrose cística uma doença bastante grave e que deve ser descoberta precocemente.

O tratamento consiste em antiinflamatórios, cuidados na dieta e fisioterapia respiratória para aliviar os perigosos sintomas da doença, especialmente a dificuldade que a criança tem para respirar.

Outras doenças que podem ser descobertas com o teste do pezinho

Existem ainda muitas outras doenças que podem ser diagnosticadas com a ajuda do teste do pezinho, e são elas:

  • Deficiência de biotinidase;
  • Hiperplasia adrenal congênita;
  • Doença de chagas congênita;
  • Doença do citomegalovírus congênita;
  • Galactosemia;
  • Toxoplasmose Congênita;
  • Deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase;
  • Sífilis congênita;
  • AIDS;
  • Rubéola congênita;
  • Herpes congênito.