Teste Genético Descobre o Tipo de Gêmeos na 9ª semana de Gestação

0
467

Ao descobrir que está grávida, a mulher logo conta para o pai do bebê e em alguns casos para toda a família. Geralmente, as gestantes preferem esperar os três primeiros meses para dar essa notícia maravilhosa.

Acabou de chegar ao Brasil um exame que amplia as possibilidades dos médicos que acompanham gravidezes de gêmeos. Ter um filho já é uma bênção imagine dois. Ao descobrir que está esperando gêmeos, as grávidas devem procurar um médico para redobrar os cuidados.

Toda mulher que vai ter dois bebês tem curiosidade de saber se os bebês são gêmeos idênticos ou não.

Carregar dois bebês no útero significa ter mais atenção e cuidados médicos do que as gestantes que estão esperando um bebê.

A gravidez de gêmeos pode trazer algumas complicações e é muito comum que ela chegue ao fim antes de completar as 40 semanas.

Por isso, é fundamental que os obstetras tenham todas as informações e ferramentas para acompanhar da melhor forma uma gravidez gemelar.

Novo teste genético descobre o tipo de gravidez gemelar na 9ª semana de gestação

Através desse novo teste é possível descobrir se a gravidez de gêmeos é univitelina ou bivitelina, a partir da 9ª semana de gestação.

O teste de mercado para descobrir o tipo de gravidez gemelar tem 99,9% de precisão.

A gravidez bivitelinas, que são dois óvulos fecundados e dá origem a dois bebês diferentes, é a mais comum e tem menores riscos, porque cada bebê tem a sua própria placenta.

Já a gestação de gêmeos univitelina, na qual um óvulo fecundado se divide em dois, dando origem a crianças idênticas, apresenta mais riscos, principalmente quando os bebês dividem a mesma placenta.

Como funciona o novo teste?

O novo teste para descobrir o tipo de gravidez de gêmeos utiliza apenas uma amostra do sangue da mãe.

Além de revelar o tipo de gestação gemelar, ainda mostra o sexo dos bebês e também é capaz de identificar alterações no DNA dos fetos, encontrando doenças e síndromes bem antes de qualquer outro exame.

A tecnologia desse teste genético também é recente em outros países, ele faz a análise genética baseando-se no SNP (polimorfismo de nucleotídeo único).

Esse teste foi criado pela empresa americana Natera e está disponível no Brasil por R$ 3 mil. O resultado sai em 10 dias.

Esse teste genético pode melhorar e salvar muitas vidas de bebês gêmeos e de suas mães.

Entretanto, o preço é muito alto e só poderá fazer esse teste aquelas mulheres que tem alto poder aquisitivo. Vamos aguardar para ver se o preço diminui.