O que é um cordão umbilical com nó verdadeiro?

0
4156

Quando uma mulher está grávida e o final da gestação está chegando ela fica preocupada com o parto.

A preocupação não é só com as dores, mas se tudo vai correr bem no nascimento e no corte do cordão umbilical.

Tipos de nós no cordão umbilical

Existem dois tipos de nós no cordão umbilical. Os nós mais comuns que se chamam circulares, no qual o cordão fica em volta da região cervical, os membros ou outras partes do feto.

Os cordões umbilicais circulares são relacionados à movimentação excessiva do bebê, cordões longos, baixo peso do feto e aumento do líquido amniótico que pode ser associado ou não a diabetes gestacional.

Em geral esses cordões são largos e não oferecem riscos para o bebê. Esses nós ocorrem em 25% das gestações. O outro tipo de nó é o nó verdadeiro.

Saiba o que é um cordão umbilical com nó verdadeiro

O cordão umbilical com nó verdadeiro é aquele no qual o cordão enrola em si mesmo. Isso é uma coisa rara que ocorre em torno de 2% dos partos. É uma condição preocupante porque o cordão com nó verdadeiro fica bem mais apertado do que o circular.

O cordão umbilical com nó verdadeiro pode causar problemas na gestação, porque, podem ocorrer situações em que a pressão é grande podendo haver diminuição ou até interromper as trocas de nutrientes e ar entre a mãe e o feto.

Bebês que tem o cordão umbilical muito longo ou são grandes para a idade gestacional têm mais riscos de desenvolver um nó verdadeiro.

O diagnóstico, dos dois casos de nós no cordão umbilical só pode ser feito durante o trabalho de parto. Algumas mudanças podem ser verificadas através de ultrassonografia, como um grande nó em que o cordão umbilical esteja em forma de novelo ou uma torção onde a distância entre os dois segmentos do cordão é menor que 2 centímetros.

Como evitar o cordão umbilical com nó verdadeiro

Não existe uma forma segura de evitar as condições do cordão umbilical com nó verdadeiro, mas com algumas ações é possível diminuir os riscos. São elas: prevenção do diabetes gestacional, a realização de ultrassonografia morfológica nos dois primeiros trimestres de gestação para diagnóstico de malformações e controle do desenvolvimento do bebê e o uso de anticorpos indicados nos casos de incompatibilidade de sangue do casal.

É fundamental que as grávidas façam um pré-natal de qualidade, pois, somente assim elas poderão diagnosticar possíveis problemas com o feto e com a sua saúde.

Portanto, o cordão umbilical com nó verdadeiro é uma condição rara, mas acontece. Então fique de olho na sua gravidez e tente evitar todos os contratempos que podem causar sofrimento ao feto e a você.