7 dicas infalíveis para ser um super tio (ou tia)!

Após ler os nossos conselhos, você não vai pisar feio nem com os seus sobrinhos... nem com os pais deles!

0
1076

Não deve haver nada mais estranho – e até surpreendente – do que saber que o seu irmão ou irmã acabou de ser pai ou mãe. Você acompanhou-os na (constrangedora) idade da adolescência, nos seus primeiros amores, no dia do casamento e, embora sabendo que, tecnicamente, eles já são adultos, para você, os seus irmãos continuam sendo aquelas crianças com quem compartilhava brincadeiras e confidências.

Mas é hora de encarar a realidade: você é tio (ou tia), um título que exige mais responsabilidade do que contar episódios que envergonham o seu irmão ou mostrar aquelas fotos que a sua irmã já queria ter queimado há muito tempo.

Está se sentindo perdido com esse novo “cargo”? Conte connosco!

Conheça as nossas 7 dicas para ser um tio (ou tia) exemplar

1. Não se leve muito a sério

Se você ainda não tem filhos, tomar conta de seres tão frágeis como são os recém-nascidos é assustador. E, entretanto, quando os seus sobrinhos começarem a crescer e a desenvolver uma personalidade, você vai tentar criar uma outra versão de si mesmo(a), uma versão mais responsável, em vez de mostrar o seu lado mais descontraído.

Confie em nós: você só se vai tornar no(a) “mentor(a)” dos seus sobrinhos quando for você mesmo(a). Não se reprima. Seja mais alegre, mais carismático(a)!

Aliás, quanto mais você cansar os seus sobrinhos numa tarde de fim de semana com 1001 brincadeiras, corridas, danças e jogos, mais os pais deles vão agradecer – depois de gastar tanta energia, quando os seus sobrinhos chegarem a casa, nem vão dar mais nenhum trabalho, indo diretamente para a cama.

2. Não seja exagerado(a)

Se você já foi pai ou mãe, é tentador oferecer aos seus sobrinhos todas aquelas adoráveis roupinhas que os seus filhos vestiram quando eram bebês, para que agora sejam usadas pelos mais novos membros da família. Sem dúvida que esse é um bonito gesto – e até pode ajudar os seus irmãos a poupar dinheiro. Mas tenha cuidado para não exagerar e enviar todo o guarda-roupa!

O melhor é combinar com os seus irmãos uma hora para você mostrar todas as pecinhas e eles escolherem aquelas que realmente querem ou precisam. Aceite mais um conselho nosso: deixe os seus irmãos sozinhos para fazerem as suas opções com mais calma e, se as roupas rejeitadas não tiverem mesmo outra utilidade, doe a uma organização beneficiente.

3. Seja prestável

Os pais de recém-nascidos têm mesmo de matar um dragão por dia! São noites mal dormidas, uma troca de fraldas constante, as alterações hormonais… Que tal você dar uma ajuda e limpar a casa dos seus irmãos enquanto eles tentam colocar o sono em dia? Se você tiver talento para a cozinha, prepare ainda uma ou outra refeição. E nem é preciso falar que os serviços de babá são preciosos, especialmente se os pais decidem ter uma noite romântica.

“chegou a sua hora de ser o(a) titio(a) legal! Faça tudo aquilo que os pais não podem – ou não conseguem – fazer”

4. Use – e abuse – do título de “tio(a) legal”

Todos nós tivemos um(a). E agora chegou a sua hora de ser o(a) titio(a) legal! Faça tudo aquilo que os pais não podem – ou não conseguem – fazer. Essa é uma forma de marcar definitivamente a vida dos seus sobrinhos. Por exemplo, você pode ensinar as crianças a andar de bicicleta!

5. Pense 2 vezes antes de gastar “rios de dinheiro”

Oferecer o presente mais fantástico da loja irá fazer você se sentir ainda mais legal, mas, antes de fazer tanto investimento, reflita se o brinquedo é adequado para a faixa etária das crianças. É compreensível que você goste de oferecer jogos que não são adequados para a idade dos seus sobrinhos como se fosse uma forma de incentivar as crianças a crescerem mais depressa para conseguirem jogar… mas nem sempre dá certo.

6. Participe do dia a dia das crianças, mesmo estando longe

Nem todos têm a sorte de viver perto da família. Se for o seu caso, faça um esforço para se envolver na vida dos seus sobrinhos, independentemente das distâncias. Aliás, atualmente, com a ajuda da Internet, é fácil contatar com alguém que esteja longe.

7. Brinquedos barulhentos? Só em sua casa!

Sabe aquele “brinquedo educacional” que você tem certeza que vai divertir bastante os seus sobrinhos e levar os seus irmãos à loucura por fazer tanto barulho? Guarde o brinquedo em sua casa e, desse modo, as crianças só se entretêm com ele quando estão entre as suas 4 paredes, sem incomodar os pobres pais!

Relacionado: A importância do afeto no desenvolvimento do bebê

Assista a esse vídeo divertido sobre diversos tipos de tios:

Curtiu a matéria? Compartilhe com outros titio(a)s desesperado(a)s!